Acerca de Satanás....



Satanás deriva da palavra Grega Σατανάς Satanás, que por sua vez deriva do Hebraico, שָׂטָן Satan que significa: o Acusador, o Adversário.
No Judaísmo pensa-se que o Acusador seja um membro do Conselho Divino cuja função é seguir de perto as actividades da Humanidade, com o único propósito de procurar os pecados, defeitos, a podridão na alma dos Homens e acusá-los. Esta é a explicação por detrás da sua alcunha “O Procurador Divino" (que analiza as iniquidades humanas).
A evidência mais gritante encontra-se no livro de Jó, quando o filhos de Deus juntamente com Satanás se apresentam perante o Senhor, que diz ao Acusador para olhar para o seu leal servo, Jó. Satanás sugere a Deus que o deixe tirar toda a riqueza do seu servo para ver se ele continua a servi-lo na pobreza. Claro que Jó passou todos os testes e, no fim foi recompensado cem vezes mais.
A coisa mais interessante acerca do pensamento Judaico é que nos apresenta um Satanás sem qualquer poder; indica-nos quão pouca autonomia possui (pois até para testar Jó necessitou da permissão de Deus, permissão essa que jamais poderá transgredir).

Por outro lado, o Cristianismo retrata um Satanás independente, com poderes infinitos para provocar o mal, alegadamente agindo sem a autorização de Deus.
Demos uma olhadela à biografia de Lúcifer (da palavra Latina Lucifer, fera, ferum: luminoso, uma luz, que traz luz): era o mais lindo e luminoso Anjo de Deus, mas a sua vaidade fê-lo crer que poderia ser, e fazer, mais que o próprio Criador. Esta petulância resultou na sua expulsão da presença de Deus, e o seu lançamento na terra. O dia virá em que será feito prisioneiro para toda a eternidade.
Alguns grupos Evangélicos e Nascidos-de-Novo mencionam o nome de Satanás tanto como o de Jesus: se adoecem, a culpa é do capeta; se tomam uma má decisão que resultará num evento negativo nas suas vidas, a culpa é do capeta; se perdem o emprego ou o seu dinheiro, a culpa é do capeta; se se der uma calamidade, o capeta vem para nos destruir; se uma criança é traquina, está concerteza possuída pelo capeta…in summa, muitas vezes estas pessoas usam o Diabo como um instrumento de desresponsibilização dos seus actos.
Os Cristãos confundem, muitas vezes, o Diabo com espíritos maléficos; duas coisas totalmente diversas.

Os Místicos acreditam que existem forças do mal que procuram influenciar, de forma negativa, a vida daqueles que se encontram espiritualmente vazios. Eles rejeitam a noção Cristã de Satanás.
Não obstante, têm o seu conceito de Diabo:


Esta carta de Tarot, do Arcana Maior, representa “Capricórnio; energia procriativa; nova vitalidade; humor; sensualidade; sexualidade; energia criativa; individualidade” [1].
O Diabo está sob a forma de um bode branco com cornos entrelaçados, que juntamente com a coluna fálica atrás dele, representa a energia criativa no seu aspecto mais material e masculino. O bode tem um terceiro olho aberto, o que indica as suas capacidades expansivas de percepção extra-sensorial: ele vê para lá do óbvio, aprofundando-se na essência daquilo que vê. Esta é a razão pela qual apresenta uma expressão de satisfação humorosa.
Esta carta convida-nos, primariamente, a cultivar o nosso sentido de humor porque “somente os ignorantes são extremamente sérios e identificam-se na íntegra com os seus pensamentos e acções” [1].

Eu prefiro olhar para Satanás como “O Acusador” (ao serviço do Tribunal Celestial de Deus) do que vê-lo como uma entidade poderosa e autónoma, que se alimenta do vazio espiritual dos humanos. E tu?


Estou curiosíssima para saber qual o pensamento do Livingsword acerca deste assunto…Acompanha-me!


[1] in Tarot: Mirror of the Soul, Handbook for the Aleister Crowley Tarot de Gerd Ziegler.

Comentários

  1. The blogroll link to Sri Kebakat - A photo blog should spell as: http://srikebakat.blogspot.com
    Kindly ammend. Thanks Max.

    ResponderEliminar
  2. Hey Kb,

    I am so sorry for the mistake; it will be ammended :)!

    I thank you *bowing*!

    Cheers

    ResponderEliminar
  3. Hello Scott,

    "Look at that, the letters from the word "SANTA" can be rearranged to spell "SATAN"!!" - oh my Lord...now you reminded me of those who also do the same with "dog" and "god" :P....

    Thank you for your contribution, Scott lol...it was very interesting....

    Cheers

    ResponderEliminar
  4. Não acredito em demonios. Nunca gostei dessa divisão entre o bem e o mal.

    Max, tem um meme para você!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  5. Oi Cidão!

    Demónios são diferentes de Satan...mas compreendo o que dizes!

    Um meme? ôbaaaa lol...já passo pela tua casa!

    Beijos

    ResponderEliminar
  6. OI Max
    Muitos podem achar que realmente satanás tem poderes para destruir vidas,casamentos, e o bem, mas Deus em sua infinita sabedoria nos deu algo chamado de livre arbítrio, que nos deu a possibilidade de escolha entre o que é certo e o que é errado, entre escolher Deus ou o diabo, demônio (não acredito em espiritos ruins que estariam aqui na terra ou algo semelhante)mas como ele engana, influência, pode fazer sim que pessoas tomem atitudes erradas, mas quem decidiu foi elas, por influência ou não, por isso que acho que a ignorância seja algo tão ruim porque alguém que não procura saber das coisas é mais fácil de se influênciar, de se deixar levar.
    Tem acontecido tantas atrocidades, crimes tão hediondos, monstruosos que é difícil negar que algo além do que vemos e palpamos está acontecendo.

    Não entendo o que você quer dizer com grupos nascidos-de-novo.

    Entre os evangélicos existem várias igrejas e essas igrejas (denominações) não são vinculadas entre si, algumas as vezes nem são consideradas igrejas podem ser seitas, o que é ruim pois geralmente quando uma igreja dessas faz alguma coisa ou diz algo mais polemico acaba todas as outras "pagando o pato" sendo incluidas como se fossem uma só.

    O que disse realmente ocorre alguns atribuem realmente tudo de ruim a satanás, e não lutam, ou acham que tudo é castigo ou coisas do genero, mas não são todas.

    Sabemos da existencia do mal mas também sabemos que Deus é muito maior que ele, e não nos abandona em nenhuma situação, temos a certeza da vida eterna, da salvação e da vitória, então você pode me perguntar: mas então porque acontece coisas tão ruins com pessoas de Deus?
    As vezes precisamos aprender algo, que pode se de uma maneira boa ou não.
    E se pensarmos no nosso tempo é difícil de enterder mas se pensarmos em eternidade...

    muito interessante o post
    beijos

    ResponderEliminar
  7. Oi Adriana,

    Tens razão, a ignorância das pessoas pode sujeitá-las a más influências...a lavagens cerebrais...

    "Não entendo o que você quer dizer com grupos nascidos-de-novo." - ah, desculpa...talvez não devesse ter incluído esta denominação na tradução Portuguesa, mas nos países Anglo-Saxónicos tens os New-Born (Nascidos-de-novo) que alguns os considerariam equivalentes aos evangélicos, só que como são mais radicais do que estes, decidi deixá-los ficar na tradução.

    "Entre os evangélicos existem várias igrejas e essas igrejas (denominações) não são vinculadas entre si, algumas as vezes nem são consideradas igrejas podem ser seitas, o que é ruim pois geralmente quando uma igreja dessas faz alguma coisa ou diz algo mais polemico acaba todas as outras "pagando o pato" sendo incluidas como se fossem uma só." - é verdade, mas foi por isso que eu disse "Alguns grupos evangélicos e Nascidos-de-novo"...alguns, não todos.

    "O que disse realmente ocorre alguns atribuem realmente tudo de ruim a satanás, e não lutam, ou acham que tudo é castigo ou coisas do genero, mas não são todas." - reitero que no artigo pus "Alguns grupos evangélicos e..." pois já visitei muitas igrejas de denominações várias e sei como é :). Mas tens razão quando dizes que não lutam, e depois culpam Satanás por tudo e por nada (desresponsabilizando-se dos seus próprios actos)...é triste *acenando com a cabeça*...

    "Sabemos da existencia do mal mas também sabemos que Deus é muito maior que ele, e não nos abandona em nenhuma situação, temos a certeza da vida eterna, da salvação e da vitória, então você pode me perguntar: mas então porque acontece coisas tão ruins com pessoas de Deus?" - não, eu jamais te perguntaria isso, porque eu acredito no Karma, mas sei o que queres dizer (a minha mãe é Católica e a minha avó é evangélica).

    "As vezes precisamos aprender algo, que pode se de uma maneira boa ou não." - concordo plenamente contigo!

    "E se pensarmos no nosso tempo é difícil de enterder mas se pensarmos em eternidade..." - faz sentido :)!

    Muito obrigada por este comentário extremamente interessante...gosto desta troca de ideas :D!

    Beijos

    ResponderEliminar
  8. Oi Max!!

    Achei muito legal ver vc em meu blog, o Juca é um amigo muito querido e fico feliz que vc tenha chegado através dele!

    É claro que eu não me importo com vc por lá, pelo contrário, convido vc para visitar-me sempre, tenho alguns visitantes de Portugal e gosto muito!

    Espero que lá vc consiga entender um pouco mais acerca da Doutrina Espírita. O que vc quiser saber, pode perguntar que eu respondo, tá? Se eu não souber a resposta pesquisarei, assim todos nós aprendemos!

    Sobre seu post, eu particularmente não acredito em demônios ou em Satã. Nada disso. Para mim são todos Espíritos menos evoluídos. Também não acho que o “diabo” e os espíritos maléficos sejam coisas totalmente diversas. Para mim o diabo não é um ser único, mas sim um Espírito ainda fortemente ligado ao mau, e, sendo assim, podem existir muitos “diabos” por aí... Acredito que existam Espíritos que ainda não encontraram a Luz, mas não que haja alguma força tão forte assim capaz de dominar-nos e destruir nossas vidas. Afinal, tudo é questão de afinidade e, se alguns Espíritos menos evoluídos aproximam-se de nós e conseguem exercer algum tipo de influência negativa, é porque nós assim permitimos. No mais, não há nada ou ninguém maior do que Deus. E todos um dia estarão no mesmo patamar de evolução, todos estamos aprendendo. Uns demoram mais, outros menos, mas devemos ter paciência e amor com os que praticam o mal, pois como o próprio Jesus falou: "eles não sabem o que fazem" e por isso sofrem muito... Concordei com uma coisa que vc falou, sobre certas pessoas utilizarem o "diabo" como um instrumento de desresponsabilização dos seus atos. De fato isso acontece muito, o que é uma pena, eu acredito que tudo o que acontece em nossas vidas é por conseqüência dos nossos próprios atos... E ninguém deixa de quitar as suas dívidas perante a Justiça Divina.

    Enfim, se vc quiser saber a visão espírita desse assunto, dá uma passada no meu blog "Espírita na Net" e clica no tema "Demônios", tá?

    Obrigada pela visita e volte sempre!

    Beijos! Muita luz para vc! ;)

    ResponderEliminar
  9. Oi Dri!!

    Bem-vinda à zona MAX!

    "Achei muito legal ver vc em meu blog, o Juca é um amigo muito querido e fico feliz que vc tenha chegado através dele!" - eu também gostei imenso de te visitar, estou curiosíssima quanto ao teu blog e irei voltar :)

    "Espero que lá vc consiga entender um pouco mais acerca da Doutrina Espírita. O que vc quiser saber, pode perguntar que eu respondo, tá? Se eu não souber a resposta pesquisarei, assim todos nós aprendemos!" - é verdade, pesquisando é que se aprende :). Não tem problema, quando tiver uma dúvida recorrerei a ti :)...

    "Para mim o diabo não é um ser único, mas sim um Espírito ainda fortemente ligado ao mau, e, sendo assim, podem existir muitos “diabos” por aí... Acredito que existam Espíritos que ainda não encontraram a Luz, mas não que haja alguma força tão forte assim capaz de dominar-nos e destruir nossas vidas." - interessante ponto de vista...

    "Afinal, tudo é questão de afinidade e, se alguns Espíritos menos evoluídos aproximam-se de nós e conseguem exercer algum tipo de influência negativa, é porque nós assim permitimos." - sim, afinal atraímos para nós tanto o bem como o mal...mas o mal só prevalece se estivermos vazios de espiritualidade.

    "No mais, não há nada ou ninguém maior do que Deus." - Amén!

    "E todos um dia estarão no mesmo patamar de evolução, todos estamos aprendendo. Uns demoram mais, outros menos, mas devemos ter paciência e amor com os que praticam o mal, pois como o próprio Jesus falou: "eles não sabem o que fazem" e por isso sofrem muito..." - não sou Cristã, nem sigo o Novo Testamento mas lei-o e acho os ensinamentos de Jesus muito interessantes.

    "De fato isso acontece muito, o que é uma pena, eu acredito que tudo o que acontece em nossas vidas é por conseqüência dos nossos próprios atos..." - é verdade.

    "E ninguém deixa de quitar as suas dívidas perante a Justiça Divina." - outra verdade...

    "Enfim, se vc quiser saber a visão espírita desse assunto, dá uma passada no meu blog "Espírita na Net" e clica no tema "Demônios", tá?" - concerteza!!! Irei lá ver e tomar notas :D! Obrigadão!!

    De nada; eu é que agradeço a tua visita :).

    Beijos e que a luz esteja contigo!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço