A Morte da Língua Portuguesa: à Vs há


Ora cá estão duas palavras que muita confusão têm provocado na mente dos Lusófonos. 
Quem já não recebeu mensagens (no telemóvel/celular), emails, cartas ou opúsculos informativos, em que o "à" se vê trocado pelo "há" e vice-versa? 

Então, qual a diferença entre estas duas palavras homófonas heterográficas?

À
Esta palavra é:
  1. Uma contracção da preposição a com o artigo definido feminino a.
  2. Uma contracção da preposição a com o pronome demonstrativo a.
É importante referir que o acento a ser aplicado a esta contracção é o acento grave: à (não á).

Exemplos: 
  1. O João saiu às 17:00 de casa.
  2. Vi uma casa decorada à moda antiga. 
Esta palavra é a 3ª pessoa do singular do verbo Haver, no presente do indicativo:

Eu hei
Tu hás
Ele
Nós hemos
Vós heis
Eles hão 

Exemplos:
  1. A Kátia saiu daqui duas horas. (Já houve/passaram duas horas desde que o sujeito saiu).
  2. dois séculos atrás ninguém usava mini-saia. 
  3. Já não te vejo muito tempo!
O acento a ser utilizado é o agudo: (não ).

Comentários

  1. Este tal de acordo ortográfico mais parece obra de preguiçosos. Como é que a classe politica portuguesa, na qual eu não me revejo, puderam aprovar tamanha incongruência? Foi uma traição à nação por tal decisão não ter sido aprovada pelo método do sufrágio nacional. Sinto-me completamente indignado!

    ResponderEliminar
  2. Olá Alex :D,

    Ainda agora falámos no FB lol (quando vi o comentário, não relacionei contigo..ai, a velhice lol).

    Como vês, pelo que te disse no FB, concordo contigo (em toda a plenidade)! Pode muito bem ser considerado uma traição à nação.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Maxxx, Maxxx!

    Tá ficando chato esse negócio de eu só concordar contigo, porque não deixas brechas para questionamentos, tudo é tao bem argumentao!!

    Mas deixo beijos cheios de carinho e saudades!!!!

    ResponderEliminar
  4. Gata, esses seus artigos sobre a língua portuguesa fazem parte dos meus Crazy Links que publico todo fim de semana.

    E sério, eu cometo erros e mais erros ao diferenciar à de há, e em tempo, devo dizer que odeio a crase! :)
    Beijos!!!

    ResponderEliminar
  5. Oi CB :D!

    LOL mulher, discorda à vontade :).

    Beijos e obrigada pelo comentário!

    ResponderEliminar
  6. Oi Gato :D!

    Obrigada pela honra: a sério! *vénia*

    Ah, a bendita crase...às vezes é tão necessária. Escreverei sobre ela um destes dias.

    Cidão, super obrigada pelo comentário :D!

    Beijos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço