Como Mulheres do Bloco de Esquerda Manietam o Governo de Costa


Ó governo de Portugal, espero que saibam que a vossa explicação sobre o “buraco” de €800 milhões não convenceu ninguém e só reforçou a vossa obscenidade política (mas isso fica para outro artigo). Caramba, seria mais honesto que o funcionário do Banco de Portugal recitasse o seguinte credo: eu creio firmemente que irei falhar, por isso em vez de trabalhar, vou arranjar buracos aqui, fossas além e um descarrilamento acolá!

Eu sei que a contestação faz parte da natureza humana, mas se um país atravessa uma fase de inquietação económico-social, como esta residual de 2008, e os seus cidadãos são chamados a cooperar; todos e cada um deles devem entregar-se com a consciência de que uma década passará até que os cofres da fazenda pública estejam novamente acolchoados para que, num próximo revés mundial, o embate não seja tão áspero para o colectivo. Mas não, os portugueses gostam de ser tratados como se fossem uns imbecis e de viver numa constante vertigem.

Os lusitanos gostam do aqui e agora. Não gostam de elaborar nem planear um projecto a longo prazo; porque será? Será um problema de solidão endémica ou um problema de seguidismo, mesmo que este os conduza ao encontro de políticos mal intencionados que, a toda a hora e momento, os convencem a comprar ideologias arriscadas cujo resultado é sempre desastroso?
Quem deita na minha cama, e tenta sonhar os meus sonhos? - Amália Rodrigues (Cansaço)
Os portugueses estão, certamente, deitados na cama de António Costa, de Catarina Martins e de Jerónimo de Sousa: então, de quem são as quimeras que você, meu caro leitor, alimenta neste momento de viragem mundial? Bom depende do seu perfil:

  • Inteligência deficitária: tem sonhos côr de rosa, visto que está feliz com as promessas de devolução disto e daquilo; promessas de dinheiro a rodos para resolver isto e aquilo (classe PS, BE e PCP). 
  • Inteligência mediana: tem sonhos turbulentos, porquanto quer acreditar nos homens de boa vontade mas ao mesmo tempo duvida da viabilidade de tais promessas (classe dos padres vermelhos e similares).
  • Inteligência elevada: tem pesadelos acompanhados de suores frios, por que embora o pior pareça ter passado, o mundo não é neste momento um consórcio de bancos ao qual se pode ir a bel-prazer pedir empréstimos para serem gastos no shopping centre do estado social (espírito inquisitivo).

Sim, meu caro concidadão, hoje todos sabemos que o sonho de António Costa era ser primeiro ministro; nem que isso implicasse um acordo com o diabo de saias. Devo, porém, confessar a minha incapacidade de entender a cabeça de senhor Costa: será assim tão vital ser primeiro ministro, a ponto de se deixar manietar por três mulherzinhas cujo feito não está à vista (a não ser, claro, o da busca de proeminência através de governação paralela no governo de António Costa)? Mas esta é a escolha de António Costa.
Contudo, qual é o seu sonho (que aparentemente, ao que tudo indica, já alguém o sonhara antes)? Pois, seja ele qual for, neste preciso momento, o seu sonho foi reformulado, reajeitado e até trespassado pela quimera política do oxalá, arquitectada pelas três amargas do Bloco de Esquerda (BE); por que você, meu caro, preferiu escolher a porta mais larga do populismo....

Até para a semana

(Imagem editada (original do site "O Insurgente" no Google Imagens])

[As opiniões expressadas nesta publicação são somente aquelas do(s) autor(es) e não reflectem necessariamente o ponto de vista do Dissecting Society (Grupo ao qual o Etnias pertence)]

Comentários

  1. Estamos a falar da líder do BE, da sua mão esquerda e da que perdeu as eleições presidenciais, né? Txo, três malucas com a manias das grandezas. Só mesmo no portugal dos pequenitos é que elas que safam, porque na estranja não se safariam, mana. Nem mesmo na FRELIMO hehehehe. O costa devia ter vindo a Inhambane antes de tomar posse para os mais velhos lhe darem um conselho: nunca seguir 100% instruções de miúdas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Carlitos!
      O António Costa lá sabe o que anda fazendo com as suas girls; ok? Coitado do tio Jerónimo, agora é que ele esta confuso com o jeitinho que tentou dar ao PS de Costa: WTF? estará ele a indagar-se: poverello...
      Inhambane??? Ó please, essa tribo conheço eu e, o Costa não levaria benção nenhuma.

      Princípe de Moza, aquele abraço, para ti

      Eliminar
  2. Olá Lenny,

    Eu nem acho que os portugueses gostem de ser tratados como imbecis; porque certamente estão todos a olhar para António Costa com desconfiança. A minha crítica é que os lusitanos não se mobilizam mais para lutar pelo seu país.

    Catarina Martins e a sua team feminista mal vestida (as meninas não se sabem vestir e depois usam slogans do tipo "sou mulher"...so? Faz parte de ser mulher vestir-se condignamente. Mas compreendo, não querem ser vistas como objecto sexual e sim como seres pensantes: acho que não há perigo do primeiro, nem garantias do segundo) e sinceramente não as compreendo porque, afinal, o que é que fizeram de concreto? Quais os seus sucessos? E não conta perder as eleições e dizer "isto não é uma derrota, mas sim uma vitória" (what is that? Perdeste, és uma loser, ponto final).

    Tudo o que sei das "engraçadinhas" (termo do PCP), é que o seu discurso é perigoso. Elas são perigosas, não querem saber do povo para nada, apoiam terroristas, e na certa são racistas (pois nunca as ouvi defender os negros portugueses, se calhar esses não contam) e anti-Semitas.

    António Costa, na ânsia pelo poder, está num ménage-à-trois muito perigoso para o país. E o seu percurso, deixá-lo-á ficar na história como o PM português mais embaraçoso de todos os tempos. (NB: viram as declarações feitas ao FT?)

    Bom trabalho, querida.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Max!
      Essas fêmeas são surreais mas falarei delas próximamente.
      O Costa é um embaraço pegado, os investidores que esquadrinham o FT devem estar a preparar um bom pacote de juros, caso ele tenha de ir ao mercado. Eles emprestarão porque sabem que depois verá a direita e endireitará as contas honrando os compromissos assumidos pelos esbanjadores da esquerda.
      Não há consciência política por parte da esquerda e eu não tenho pachorra para tanta intrujice.

      Beijocas

      Eliminar
  3. HAHAHAHAHA a imagem é impagável! Mas ouvindo as meninas a falar também me pergunto se não andará tudo bêbedo! Olá meus amores! Algo me diz que o circo a que se assiste agora em portugal não vai durar muito mais; mas posso estar errada. Só sei que estou feliz por ser emigrante.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hey, hey, hey....
      Gostaste da carantonha da mulherzinha?
      Elas estão completamente embriagadas, não tenha dúvidas.
      Ó pá estou feliz porque arranjei maneira de me ir reformar para o estrangeiro, sem custas adicionais e quase sem mudança de clima: é um espectáculo, meu amor.
      Só virei a portugal para votar e visitar a minha casinha, c'est tout!

      Beijocas, minha bela emigrante e sê feliz -;)

      Eliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço