Operações de Contraterrorismo: Gente Perigosa

Raide Anti-Terrorismo Bélgica (Miami Herald)
Eu gosto de ser tolerante para com as crianças mal educadas dos meus vizinhos; adoro ser tolerante com a minha vizinha cuja comida impesta o meu piso; amo ser tolerante para com a minha prima que é uma mulata mais branca que muitos brancos e no entanto sofre do síndrome  de “one drop rule” quando presunçosamente diz “nós os blacks”; delicia-me ser tolerante quando a minha amiga de infância me diz “consigo distinguir o teu marido dos outros brancos, quando estás por perto”; farto-me de ser tolerante quando os falhados da minha família me acusam de falta de compaixão; mas não, não, não me peçam  compreensão, não me digam para não me ultrajar e revoltar contra a seita maometana e seus seguidores, um bando de gente insegura e perigosa.

Vi no France 24 que o Papa Francisco afirmou qualquer coisa como “não se deve fazer pouco da fé dos outros”, pois bem sinto-me particularmente intolerante, direi mesmo “estou-me nas tintas” para com a suposta temperança papal.
Oh, mio Papa caro se por acaso acha que a rapaziada do Carlitos Hebdo exagera nas sua parvoíces, é uma coisa e está no seu direito, mas outra coisa é vossa santidade juntar a sua voz a um bando de lunáticos muçulmanos cuja crença é de que o Mohamed – que matou, violou, espancou mulheres e casou com una kinder di 8 anni – é um ser infálivel e está no mesmo patamar que Deus.

Quem é que quer estar sob os ditames de uma seita sem sentido de humor, desrespeitadora (da crença alheia), nociva, odiosa, semeadora de terror – que o digam os Belgas?
Eu como cidadã portuguesa/europeia não quero, por isso grito o seguinte:
1- PSG Football Club: de volta para as mãos francesas. O Qatar que vem há muito patrocinando o terrorismo no mundo, juntamente com a Árabia Saudita, está na hora de ir brincar ao futebol para os Emiratos. Para que a transacção se faça sem delongas, sugiro que a lista dos dez mais ricos de França pague a esses gangsters e que se reganhe o orgulho dos Les Rouge et Bleu.
2- FIFA: sei que há eleições para a presidência da vossa organização, Deus vos livre de elegerem um Qatari, ou outra coisa similar, porque todos já sabemos que será com votos comprados que permitirão o alastramento do veneno muçulmano nas nossas instituições. Joseph Blatter, que tal se em vez de andares a fazer personificações ridículas, te pusesses a criar algo sólido para o futebol? A FIFA, como uma fundação bilionária, avançaria com os fundos (a um juro razoável) aos clubes que estivessem na banca rota, ou em dificuldades financeiras.
3- Vi um vídeo na BBC onde se diz que o primeiro ministro inglês chamou “idiot” a um comentador de terrorismo que terá dito que Birmingham é uma cidade muçulmana. Bem, foi erro humano, mas o sr.Cameron foi rude porque é um facto de que há no-go zones em Inglaterra. Até há presidentes da câmara que orgulhosamente declaram os seus concelhos livres de judeus. Juro que não entendo a zanga do prime minister Cameron - a não ser que nos esteja a dizer que a sua campanha, e a do seu partido, será financiada pelos moguls do Qatar e da Árabia Saudita. Amigo Cameron, espero que sofras as passas do Algarve com o UKIP.
4- Hey, se o Ocidente está a fazer lavagem de dinheiro para esses investidores de países duvidosos – pois o dinheiro dessa escumalha é roubado aos seus povos – quem sou eu para objectar tal coisa? Mas também não vou aceitar, entender, compreender e proceder a uma especial integração da malta muçulmana – como se fossem diferentes de tantos outros imigrantes por esse mundo fora – porque essa gente se arma em vítima, impõe os seus modos e costumes e quando finalmente se sente confortável pratica crimes hediondos e espera que nada lhes aconteça, porque muitos europeus ganham o pão pago pelos investimentos de gente que professa a crença muçulmana.

P.S: Povo da Nigéria o vosso país está a ser destruído pelos islamistas comandados pelo boko haram. Se não fizerem nada por vós mesmos ninguém virá em vosso socorro; reparem que na mesma semana que esses loucos mataram 150 ou 2000 e usaram bombas femininas de tenra idade (10 anos), outros loucos islamistas de origem africana (Algéria e Mali) mataram 17 pessoas, em França: digam-me, para quem foi a marcha internacional em Paris?
Rapazes da Nigéria, por favor falem com os jovens da República Centro Africana, e eles explicar-vos-ão que só viram a França e a ONU quando estavam quase a terminar de limpar o seu país.

Até para a semana

Comentários

  1. Lenny, ainda hoje li que os políticos franceses continuam a negar as evidências por isso se o povo aceita então merece tudo o que lhe está a acontecer. Os muçulmanos precisam de saber de uma coisa: se não estão contentes com a nossa liberdade, então pisguem-se daqui para fora! Sei que não são todos, mas essa gentinha com burqa e afins deve ir embora porque as mulheres são piores que eles, lenny!
    A frança que aprenda com a bélgica! Mas se calhar a bélgica não tem o rabito preso...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Carla!

      Os políticos franceses foram sempre uns incongruentes e por causa desse seu mau feitio, ainda acabaremos numa terceira guerra mundial.
      Os belgas são mais pragmáticos e não admitem porcarias no seu território: a França deve definitivamente copiar a táctica de combate do seu vizinho.
      Bom fim de semana, amiga!

      Eliminar
  2. Pessoas como o cameron é que estão a ajudar à festa maometana na europa. Até a Merkel agora vem chamar aos patriotas europeus racistas? Vamos ver se ela vai dizer isso quando nós a safarmos de um assalto islamista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Anónimo!

      A Merkel segundo uma primita minha é uma coitada, tal qual a sua amiguinha Ana Gomes.
      Bem eu estou particularmente feliz com a marcha anti-islamização da Europa que, ocorre todas às segundas-feiras no país da Angie!
      Obrigada pelo seu input e um abraço!

      Eliminar
    2. Eu também acho interessante o movimento Pegida mas é giro como toda a gente agora diz que o movimento é racista! Uau...
      E olha, lenny, a frança proibiu uma marcha similar ainda que os mulçulmanos lá possam fazer todas as marchas que lhes apeteçam.

      Eliminar
  3. Olá,Celeste!

    A hipocrisia europeia não cessa de me espantar: é um susto só!
    Quanto a essa rapaziada que é contra a islamização da Europa vulgo Pegida, só posso dizer-lhes o seguinte "avante pegida, avante! Junta a tua a nossa voz!": ring a bell? ;)

    Boa semana de trabalho, amiga!

    ResponderEliminar
  4. Olá meus amores! Não estou certa de que a Pegida seja a resposta adequada à islamização do ocidente, mas tenho que me informar mais! Uma coisa é certa, temos de parar o fenómeno. A europa está a ficar insuportável, lenny! E o pior é que os nosso lindos políticos continuam a fazer as mesmas asneiras!

    ResponderEliminar
  5. Hey, hey, hey...

    Mesmo que o Pegida não seja a resposta adequada à não islamização do ocidente, o importante é que haja alguém a fazer alguma coisa, nem que seja uma marcha semanal: sem medo!

    Os políticos europeus, sem excepção, são todos uns falhados; embora saibamos que os diabretes estão de mãos atadas pois, o ganha pão dos europeus deriva dos investimentos muçulmanos e, estes cientes desse facto, arrogam-se no direito de nos impingirem as sua merdas e de serem irascíveis sempre que se diga ou faça algo que não combine com o seu modo de pensar.
    Bom minha linda "je suis portugaise, je suis catholique, je suis juive; je suis pas musulmane"

    Amore, boa semana de trabalho!investimentos

    ResponderEliminar
  6. Olá Lenny,

    Ausento-me por uns dias e é isto que acontece por aqui: uma festa completa lol ;)
    O David Cameron comportou-se como um completo idiota, como se na Britânia não existissem lugares onde os muçulmanos estivessem tão à vontade a ponto de terem formado o UK Muslim Patrol? Ele comente isso.
    Ouvi dizer os franceses vão processar a Fox News por causa do tal termo "no-go zones": os franceses que nos digam porque raio os "quartiers" muçulmanos contêm arsenais de armas e a polícia nada faz? Se nem a polícia lá vai resolver o problema, eu diria que há um "no-go problem"...

    Bom trabalho, Lenny :D.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Max!

      Ao mr. Cameron, digo "Stupidity has its limit, even for a fool like yourself!" e aos franceses "soyez pas ridicule!"
      A Fox News está toda a tremer com essa ameaçazeca....

      Bjcas

      Eliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço