A Revelação da Vitória De Narendra Modi

Narendra Modi (Fonte: Google Imagens, Editado)

Contra o aparente desejo da imprensa esquerdista ocidental, Narendra Modi ganhou as eleições de 2014. O Eleitorado indiano falou.

O BJP (Bharatiya Janata Party) é considerado um partido nacionalista uma vez que advoga o conceito do Hindutva.

"Hindutva não é uma palavra mas sim uma história. Não só a história espiritual ou religiosa do nosso povo como por vezes se pensa...mas toda uma história...Hindutva inclui todos os departamentos do pensamento e da actividade de todo o Ser da nossa raça Hindú" -- Veer Savarkar

Certas camadas da sociedade ocidental propuseram-se a atacar o Sr Modi só porque o seu partido é patriótico. Contudo, eu gostaria de fazer uma pergunta: o que é que justificou tal ataque a Narendra Modi?
A primeira coisa que ouvi as pessoas mencionarem foram os distúrbios de Gujarat de 2002 e como o Sr Modi permitiu que hindús matassem muçulmanos. Mas agora pergunto: e os distúrbios de Gujarat de 1969 (sob a administração de Hitendra Desai, do partido esquerdista Congresso Nacional Indiano)?
Os distúrbios de Gujarat foram um infortúnio, contudo não devemos ignorar as suas causas só porque agora é conveniente fazê-lo. Os distúrbios (das duas vezes) ocorreram por causa de um problema constante, que persiste até aos dias de hoje (i.e. políticas de apaziguamento, não só na Índia como no mundo inteiro).

Entendo que o que vá dizer a seguir vos pareça demasiado clínico mas tem de ser dito: quando um grupo decide construir um edifício por cima de uma construção sagrada que já ali estava antes, esse grupo não deve pensar que esse edifício permanecerá erecto para sempre. A história, tradição e identidade de um povo são jamais esquecidos - independentemente do quão se esforcem alguns para diluir os referidos conceitos no secularismo e apaziguamento.

Por isso, não...os distúrbios de Gujarat de 2002 (dos quais o sr Modi foi totalmente absolvido) não deveriam ter sido razão para a imprensa ocidental (provavelmente patrocinado por petro-dólares) tentar tamanha ingerência nos assuntos internos da Índia - de qualquer maneira não resultou porque a imprensa ocidental, na sua imensa arrogância, sobre-estimou a sua influência naquela parte do mundo.

Mas vamos ao que interessa.
Estou verdadeiramente ansiosa para ver como o PM Modi conduzirá a sua política externa:

  • Irá ele estender a mão ao Paquistão ao mesmo tempo que se mostra mais firme?
  • Irá ele tomar uma posição de firmeza em relação à China ao mesmo tempo que protege os acordos de trocas comerciais entre os dois países? 
  • Irá ele ser capaz de passar por cima do establishment apaziguador indiano e aprofundar as relações com Israel? 
  • Irá ele ser capaz de aguentar a pressão exercida por países como o Irão, o Paquistão (proxy da Arábia Saudita) e das nações do Golfo (que empregam muita mão de obra indiana) para o impedirem de mudar a postura política da Índia em relação a Israel, no sistema internacional? 
  • Irá ele ser capaz de liberalizar o mercado indiano e finalmente resolver o impasse na disputa comercial entre a EU e a Índia?
  • Irá ele fazer uso dos alicerces existentes para fazer da Índia o que ela deveria ser: uma Super Potência?

A vitória eleitoral do BJP revelou duas coisas: as tácticas e argumentos de apaziguamento esquerdista consomem demasiada atenção, desviando assim qualquer governo do seu objectivo principal (que é o bem-estar do povo e do país: educação, saúde, infraestruturas, políticas económicas liberais, desenvolvimento tecnológico, tapar buracos legais etc); e o voto jovem é capital - em dez dos grandes estados indianos, com maior proporção de eleitores jovens, viram os votos a irem para o BJP (de acordo com o The Hindu). Os jovens eram um segmento que há muito se via desinterassado pela política, mas que desta vez participou com entusiasmo no maior processo democrático do mundo. A juventude muda as coisas e torna-as vibrantes (vimo-lo nos EUA e agora na Índia).

Parabéns a Narendra Modi pela sua vitória. Desejo-lhe o melhor e irei seguir o seu trabalho de perto.

Namasté


Comentários


  1. Olá, Max!

    Espero que o Narendra acabe com aquela percepção que, a maioria das pessoas tem sobre os indianos: intrujões e cobardes.

    Boa sorte para a Índia e seu povo; Namasté!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lenny :D!

      Ai essa é a opinião que as pessoas têm dos Indianos? Não sabia. A minha é que têm um potencial enorme e ainda não se mexeram como deveriam.

      Amen, minha linda.

      Beijocas

      Eliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço