Uma Nota Rápida: a Alucinação de José Seguro

José Seguro (Fonte: Google Images)
“Há vida para além do déficit”
Todos nos lembramos desta frase: foi pronunciada pelo ex-presidente socialista Jorge Sampaio e, os portugueses quiseram acreditar em tais sábias palavras; resultado - as pessoas andam amarguradas e o país anda a toque dos usurários.

Na semana passada, no 24 horas da RTPIN no encontro de autarcas socialistas em Coimbra, vi o sr. José Seguro sugerir que se deixasse resvalar o déficit contratado (4%) para este ano.
Tal qual um vendedor da banha da cobra, o líder socialista – lá do seu palanque – sustentou que mal algum viria ao mundo caso se verificasse um acréscimo de 0,2% no déficit, enquanto que 100, 200 ou 300 euros fazem toda a diferença no bolso de um reformado.
Ora bem, isto é um absurdo porque €400 milhões (cerca dos 0,2% que não fazem diferença na cabeça do líder socialista) este ano, mais €600 milhões para o ano que vem e talvez €1000 milhões - se José Seguro algum dia viesse a tomar o poder – seriam um fartote para os usurários porque os juros que lhes iríamos ter de pagar ultrapassariam em muito as “pequenas” escorregadelas que José Seguro sugere.
E depois o que aconteceria às pensões? Com juros de matar, se calhar os estado só iria poder pagar 20% das reformas...é este o cenário que o líder socialista propõe aos portugueses. Bonito!

Portugal, agora é o tempo em que deverás fazer saber aos políticos que exiges que as contas estejam sempre em dia. Não te interessa gastar mais do que podes; e por último o estado deve também aprender a poupar; porque não queremos nunca mais ver um magote de gente (15,5%) sem trabalho; as pensões e os salários reduzidos; e a roubalheira no IRS.

Mas se os portugueses quiserem acreditar nas alucinações do líder socialista: então merecerão todo o mal que se abaterá sobre eles.

Comentários

  1. Deixa ver se entendi bem, o Seguro não sabe fazer contas...ma nishtanah num socialista? O pior é que ele está a falar do déficit (ou seja estar no vermelho) como se não fosse nada! Reparem que os seus objectivos não são um superavit mas sim perpetuar o déficit,isto é dever mais do que se recebe...uau!!
    Que vergonha!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hey, hey,hey...

      Os socialistas chafurdam melhor, quando a contabilidade está viciada.

      Dever-se-ia aprovar uma lei no parlamento denominada: "negligência governativa".

      Quando as contas começassem a dar sinais de resvalamento, o tribunal de contas seria obrigado a pedir ao Supremo para apontar um gestor independente, que supervisionasse as ordens de pagamento por parte do primeiro ministro e do ministério das finanças.

      Bom fim de semana!

      Eliminar
  2. Olá Lenny,

    As palavras de Jorge Sampaio nunca me pareceram tão idióticas como agora.
    Quanto a José Seguro, coitado. A convicção com que ele estava a dizer aquelas palavras foi de meter dó.
    Lenny, a tua nota já diz tudo e devemos ponderar nela. Nada é novidade debaixo do sol socialista; tudo é vaidade...(inspirado no Rei Salomão).

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Olá, Max!

      E é uma vaidade merdosa, porque não se trata de um bem comum e que traga benefícios a longo termo para a nação: é o descaramento de querer desbaratar o erário público com o propósito de comprar o voto e ascender ao poder, não por mérito mas através da trafulhice.

      É nojento e francamente... isso é rebaixar o eleitor

      Bjcas e boa semana de trabalho

      Eliminar
  3. Será que os Portugueses vão querer uma pessoa tão mediocre para primeiro ministro? Espero bem que não pois seria certa a 4ª bancarrota do nosso querido País. Senão vejamos de quem era o governo da 1ª bancarrota?
    do PS claro. De quem era o governo que provocou a 2ª bancarrota? Do PS claro. E de quem era o governo que provocou a 3ª bancarrota? Do PS. Será que o povo Português precisa de mais argumentos para não querer a 4ª bancarrota? Eu acho que não, e se assim acontecer, então direi que o povo Português tem o que merece. vca

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola, Anonymous!

      Eu, também, espero que, os portugueses ganhem consciência política, deixem de ser corruptos; porque sempre que se deixam comprar pelos socialistas, ajudam a lixar o país: depois elegem a direita para endireitar as contas e quando estas estão em ordem esquecem o sofrimento e voltam a estar corruptíveis vendendo-se pelo subsídio mais reles.

      Obrigada, pelo seu comentário.

      Um abraço

      Eliminar
  4. Meu Deus, se os portuguese votarem neste homem estará o caldo entornado e voltaremos à bancarrota! Mas quem é que no seu perfeito juízo faz este tipo de comentários? Não há demagogia que justifique tal estupidez.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço