Adieu 2010!

Emprestado daqui

2010 diz-nos Adeus!

Gosto imenso de um bom desafio e, este ano conheci o Sr. Desafio em pessoa. Dormi com ele, acordei com ele, tomei uma refeição com ele, ri com ele, diverti-me à brava com ele e para vos dizer a verdade: o Sr. Desafio tornou a vida muito mais interessante.

Gostaria de agradecer a todos os que têm seguido e lido o Etnias: vocês foram uma das melhores coisas acerca de 2010!

Antes de ir, gostaria de vos desejar a todos um fantástico 2011, cheio de amor, saúde e prosperidade (sob as suas imensas capas)!

Não há melhor maneira de sair de 2010, e de entrar em 2011, do que ouvindo música.
E como tal, senhoras e senhores, apresento-vos o FF (Fernando Fernandes), um jovem artista Português, que encanta toda a gente com esta canção intensa intitulada de "Ponteiro da Solidão".

Desejando-vos todo o amor do mundo, retiro-me por agora. Feliz Ano Novo!!




Letra

Eu não sei o que vou fazer.
Diz-me quantas horas tenho para te ver!
Atende só mais uma vez…
Sei que ainda há tempo p’ra ver como és.
E nada espero. Só…

Quero mais, quero mais, quero mais p’ra mim...
Quero mais, dá-me mais, dá-me mais de ti…

Eu não sei o que vou dizer,
As palavras embargam, não te quero perder.
Diz-me que sim ou diz-me que não,
Não me faças perder tempo neste jogo da razão -
Eu sei que não. Eu sei que não… Te posso ter.

Quero mais, quero mais, quero mais p’ra mim...
Quero mais, dá-me mais, dá-me mais de ti…

Aquilo que fazes é aquilo que és,
Diz-me com quem andas e eu dir-te-ei quem és –
quem é, quem é que dá a mão à solidão?

Quero mais, quero mais, quero mais p’ra mim...
Quero mais, dá-me mais, dá-me mais de ti…

Mas se quiseres fugir basta dizeres que não
“quero mais, quero mais!”,
Quero mais, quero mais…
Quero mais!
Quero mais!
Quero mais!
Quero mais… de ti

Guardo na palma da vida
O relógio do teu coração
100 (sem) horas de partida -
Marca o ponteiro da solidão

Comentários

  1. Muita paz no novo ano!

    Muito grato pela agradável convivência virtual, em 2010!

    ResponderEliminar
  2. Eurico!! :D

    Olá, meu irmão!

    Obrigada: também te desejo muita paz, amor e saúde em 2011!

    Foi uma honra conviver virtualmente contigo :D!

    Feliz Ano Novo!

    ResponderEliminar
  3. Mas bah, Max.
    Desejo um lindo final de 2010 e que 2011 venha com muita saúde e paz e muito sucesso.
    Abração.

    ResponderEliminar
  4. Oi Diler!

    Muito obrigada, amigão :D!

    Boas Entradas para ti e para os teus!

    Até para o ano lol...

    Um abraço

    ResponderEliminar
  5. Max, além de agradecer a sua amizade o seu carinho, desejo-te sempre com saúde e feliz ao lado dos teus e das tuas!

    Um beijo grande e obrigada também pelo FF, como ele, também sempre quero mais!!

    ResponderEliminar
  6. Oi CB :D!

    Muito obrigada, querida!! Eu também agradeço a tua amizade, minha linda!

    Que 2011 te traga tudo de bom!

    Um abraço e beijos

    ResponderEliminar
  7. Olá! Fazia tempo que não entrava no seu blog, pois lia apenas pelo feed, e fiquei feliz com a mudança no visual!

    Desejo para você também um ano de 2011 ótimo, cheio de mais desafios, prontos para serem superados. (:

    ResponderEliminar
  8. Oi Zahta :D!

    Obrigada: ainda bem que o visual agradou!

    Ler pelo feed também conta: e desde já agradeço-te por seguires o Etnias :D!

    Obrigada, e Feliz Ano Novo, amigão!

    Um abraço

    ResponderEliminar
  9. Max

    2010 foi um ano muito bom para mim, sabe?
    Foi o ano em que eu, realmentem, me levantei, pois tinha caido em junho de 2007.Em 2010, o sol brilhou muito na minha cabeca e eu espero que ele continue brilhando em 2011

    Felizes dias, dearest
    Grace Olsson

    ResponderEliminar
  10. Grace :D!

    Fico muito feliz por ti :D!

    Bom Ano!

    Beijos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço