Eu Nova Tu + Velho, Tu Novo Eu + Velha



O amor é mágico: traz luz ao palácio das trevas; concede-te felicidade; amacia o mais rugoso dos corações; derrete o mais gelado dos seres e ajuda-nos a evoluir.
O Amor ignora o limite etário.

Contudo, a sociedade conseguiu, mais uma vez, expressar o seu preconceito, a falta de sensibilidade, o fraco discernimento e, fomenta o sexismo até nos sentimentos.

Sempre que um homem se casa com uma jovem, ele não é rotulado de coisa alguma; é simplesmente um homem que casa com uma mulher mais jovem do que ele. Mas já a esposa não escapa dos comentários maliciosos "Oh, ela casou por causa do dinheiro dele!" ou então "Oh, ela deve ser boa na cama, deve" ou ainda "É uma viúva negra".

Sim, alguns homens mais velhos casam com jovens somente pelo sexo; sim, algumas mulheres casam com homens mais velhos pelo dinheiro; sim, alguns casam um com o outro por motivos de status-social; sim, algumas mulheres são viúvas negras e, sim; algumas (de facto) procuram um pai nos seus maridos...e depois temos aqueles casais que realmente casam por amor, carinho e/ou respeito, companheirismo. E depois? Em que é que o nos metermos na vida alheia e, fazer comentários estúpidos sobre este tipo de relacionamentos, no enriquece o intelecto e o espírito?





Quem é que raio decidiu que uma senhora (digamos, nos seus 40 ou mais) não deva envolver-se com jovens (por exemplo, nos seus 20's ou 30's)? E mais, por que é que são rotuladas de pumas ou leoas quando o fazem?
Sabemos bem que quando uma senhora se apaixona por um jovem, as pessoas dirão "Ó, ele anda mas é atrás do dinheiro dela" ou "Ó, ele quer é aventura com uma mulher mais experiente" ou ainda "Que desperdício! Tanta jovem bonita e ele vai e, escolhe meter-se com uma lata velha!"
Analisemos estas frases ridículas:

“Ó, ele anda mas é atrás do dinheiro dela” - foi o que disseram na India, quando um jovem de (+/- 40 anos) se casou com uma senhora de 96 anos. Só que ela não era rica...para dizer a verdade, ela nem sequer era uma cidadã de classe-média. Será que o amor terá sido um factor neste caso?
Não nego a existência de casos em que jovens casem com fortunas somente para enriquecerem; contudo rejeito a idea de pré-julgar uma relação somente baseada na diferença etária.
“Ó ele quer é aventura com uma mulher mais experiente" - esta frase é completamente demodé, uma vez que há miúdas de 18 anos (e aqui estou a ser generosa) que são mais "experientes" do que a minha avó, a minha mãe e eu em conjunto.
“Que desperdício! Tanta jovem bonita e ele vai e, escolhe meter-se com uma lata velha!" - primeiro, por que é que andar com uma mulher mais velha é um desperdício? Segundo, quem ordenou que só porque uma pessoa é jovem tem de automaticamente gostar de jovens? Terceiro, "lata velha" é outro conceito obsoleto, pois conheço senhoras que têm um aspecto muito, mas muito, melhor que muita jovenzinha de 20.

A meninas de hoje parecem fazer o culto à futilidade; parecem achar interessante ser superficial e imaturas cuja noção de passar um bom momento é apanhar gonorreia na garganta, por andar a praticar sexo oral com tudo o que tenha um pénis.
As mulheres mais velhas parecem ser mais interessantes, mais selectivas, mais criativas, mais poderosas (e poder pode ser um afrodisíaco e tanto).

Toda esta questão do Ele-velho Ela-jovem/Ela-velha Ele-jovem é ridícula e uma total perda de tempo. Desde que as pessoas em questão sejam maiores de idade; o que elas façam, com quem elas durmam ou casem e, as razões pelas quais o façam não é da nossa conta (especialmente se não forem da nossa família).


Neste caso justifica-se o uso de um cliché:

Vive e deixa viver!



Imagem I: Idoso e Jovem de Lucas Cranach, o Velho
Imagem II: Idosa e Jovem Amorosos de Lucas Cranach, o Velho

Comentários

  1. Vim te deixar um abraço fraterno.
    E achei muito interessante a tua postagem.
    Grato pelas generosas palavras lá no meu blogue.

    ResponderEliminar
  2. Aplausos! Mais uma vez e tantas mais que sei, te aplaudirei, o post é um desagravo e tanto!

    Quanto as férias em Cabo Verde, vivi quiçás um maravilhoso momento, Max, encontrei lá a verdadeira essência do que é ser humano, vi amor transbordando entre as pessoas, vi cuidado, carinho, respeito.... Coisas que andam faltando por essas bandas de cá.

    Um beijao!!
    ;)

    ResponderEliminar
  3. Mas bah, Max.
    Bom tê-la de volta, espero que as férias tenham sido proveitosas.
    Mais uma vez, parabéns pelo texto e pela polêmica.
    Quanto a escolha de parceiros digo que existem estudos que mostram:a) Os homens escolhem geralmente, mulheres de bunda grande já que estas teem mais possibilidades de lhes darem muito e saudáveis filhos. b) Já as mulheres escolhem homens que possuam os meios necessários para ajudá-las nos cuidados com a prole.
    Existe um documentário da BBC, se não me falha a memória, que dá conta disto; homens e mulheres escolhem parceiro visando acima de tudo a perpetuação da espécie(como os animais). Todo o resto ~´e circunstâncial.
    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  4. Oi Eurico :D!

    Obrigada pelo abraço fraterno e pelas tuas palavras :):

    O teu blogue gera bons pensamentos :D!

    Um abraço

    ResponderEliminar
  5. Oi Canto da Boca :D!

    Obrigada, obrigada *vénia*! :D

    Que bom, linda! Viveste a verdadeira "Morabeza" não é? :)
    É...este lado precisa de aprender umas quantas coisas com África (e África precisa de aprender outras com este lado também).

    Obrigada pelas tuas palavras, querida: amei :D!

    Um beijão!!

    ResponderEliminar
  6. Oi Diler :D!

    Obrigada; é bom estar de volta!
    As férias foram proveitosas por uma semana só...mas enfim....

    Obrigada; folgo em saber que gostaste :).

    Faz sentido! Só que há um detalhe: muitas vezes as que têm bunda grande não dão muitos filhos; e sim as de bunda pequena...por isso acho que não é por aí (há estudos que me matam). Quanto ao resto concordo plenamente.

    "Todo o resto ~´e circunstâncial." - absolutamente!

    Diler, obrigada pelo teu super comentário :D!

    Um grande abraço

    ResponderEliminar
  7. Muito bem dito!
    Há muito rapaz novo que adora uma mulher mais velha e mais experiente e que tenha um bom papo, porque estão cansados das menininhas de 18 anos e de cabeça vazia.

    Beijos,
    Carla

    P.S. Tenho bunda grande e tive dois filhos. Sirvo de parâmetro? ;-)

    ResponderEliminar
  8. Oi Carla :D!

    "Muito bem dito!"

    Obrigada *vénia*!

    "Há muito rapaz novo que adora uma mulher mais velha e mais experiente e que tenha um bom papo, porque estão cansados das menininhas de 18 anos e de cabeça vazia."

    Absolutamente! E as menininhas de hoje em dia estão cada vez piores...meu Deus.

    "P.S. Tenho bunda grande e tive dois filhos. Sirvo de parâmetro? ;-)"

    LOL LOL LOL segundo o Diler, serves! Eu tenho uma tia que não tem bunda e teve 3...é por isso que não gosto muito destes estudos lol.

    Carla, obrigadão pelo teu comentário (que eu amei) :D!

    Beijos

    ResponderEliminar
  9. Oi Max

    É o preconceito é algo nojento...como que os outros podem se achar no direito de criticar algo que eles não conhecem, que não compartilham...

    A mulher é sempre rotulada de alguma coisa...mas já reparou que as outras mulheres adoram fazer isso também?

    "Tanta jovem bonita e ele vai e, escolhe meter-se com uma lata velha!"
    Lol, essa expressão "lata velha" eu nunca tinha ouvido, aqui alguns chamam de "panela velha" aí vem os engraçadinhos e dizem que é panela velha que faz comida boa, LOL

    Mas isso tudo é ridiculo, porque a velhice está na alma e não no corpo, pode ter alguém de 20 anos e já ser considerado velho por suas idéis e atitudes, por não amar a vida e as pessoas.

    Em relação ao corpo nos dias de hoje com tantos tratamentos mulheres e homens também, já com certa idades são bonitos fisicamente, deixando muito para trás.

    "...na India, quando um jovem de (+/- 40 anos) se casou com uma senhora de 96 anos."

    A India tem uma cultura muito diferente da nossa, por isso fica meio difícil de entender essa atitude, lá a maturidade é valorizada, muito mais do que aqui.

    "As mulheres mais velhas parecem ser mais interessantes, mais selectivas, mais criativas, mais poderosas"

    Pincipalmente as de 30... LOL

    Max, pegando carona nos comentários acima, fiquei preocupada, não tenho filho ainda, acho que vou pegar a fita métrica para me medir...LOL

    beijinhos

    ResponderEliminar
  10. oo amor sempre muda a pessoa..e poe a crescer....

    bjos

    ResponderEliminar
  11. Oi Dri :D!

    "É o preconceito é algo nojento...como que os outros podem se achar no direito de criticar algo que eles não conhecem, que não compartilham..."

    Concordo contigo, linda!

    "A mulher é sempre rotulada de alguma coisa...mas já reparou que as outras mulheres adoram fazer isso também?"

    Já reparei sim, e não entendo! Acho que as nossas "irmãs" precisam de aprender mais com os homens (que se defendem sempre).

    "Lol, essa expressão "lata velha" eu nunca tinha ouvido, aqui alguns chamam de "panela velha" aí vem os engraçadinhos e dizem que é panela velha que faz comida boa, LOL"

    LOL panela velha? LOL também é boa! LOL LOL "é panela velha que faz boa comida" LOL LOL LOL essa é engraçadissíma! O pior é que é verdade (no caso da panela; vai ver também é verdade no caso das mulheres mais velhas...quem sabe?)...

    "Mas isso tudo é ridiculo, porque a velhice está na alma e não no corpo, pode ter alguém de 20 anos e já ser considerado velho por suas idéis e atitudes, por não amar a vida e as pessoas."

    É verdade. Mas vai lá explicar às pessoas?

    "Em relação ao corpo nos dias de hoje com tantos tratamentos mulheres e homens também, já com certa idades são bonitos fisicamente, deixando muito para trás."

    Nem me digas! Há mulheres que aos 60-68 estão um pedaço de mal caminho (como a Jane Fonda); e tem homens então...meu Deus...há medida que envelhecem vão ficando melhor (como um bom vinho do Porto).

    "A India tem uma cultura muito diferente da nossa, por isso fica meio difícil de entender essa atitude, lá a maturidade é valorizada, muito mais do que aqui."

    É verdade...mas eu compreendo-os (uma vez que para quem acredita na reencarnação, o conceito de idade torna-se obsoleto).

    "Pincipalmente as de 30... LOL"

    LOL LOL bem, estou na casa dos 30, por isso...concordo plenamente LOL!

    "Max, pegando carona nos comentários acima, fiquei preocupada, não tenho filho ainda, acho que vou pegar a fita métrica para me medir...LOL"

    LOL yah, o Diler revolucionou a coisa aqui! Eu tenho bunda pequena...isto quereria dizer que teria menos chances de ter filhotes, vê se pode?

    Dri, amei o teu comentário! Obrigada :D!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Olá Philip :D!

    "o amor sempre muda a pessoa..e poe a crescer...."

    Completamente! :D

    Obrigada pelas tuas palavras, lindo!

    Beijos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço