Resenha: Un amour pour rien de Jean d'Ormesson

Esta é uma resenha feita para o blog O que elas estão lendo

Visitem este blog se, como eu, amam literatura e gostam de falar sobre o assunto. 
A Geórgia é super simpática, e desde já lhe agradeço por me ter convidado a participar no projecto dela.

Se quiseres fazer o papel de crítico literário por um dia. Visita o blog dela e segue as regras lá descritas!


Nome do livroUn amour pour rien (Trad: Um amor para nada).
 
Autor – Jean d'Ormesson
 
Número de páginas – 217
 
Editora – Folio
 
Género -  Romance 
 
Tradução - língua original (Francês) 

 
Por que resolveu ler este livro?
Resolvi ler este livro por causa do título (senti-me cativada por ele assim que olhei para a capa da obra); pois pensei "como é que o amor pode ser para nada?". Na altura em que o comprei, o amor era como um puzzle para mim e, por isso, estava ávida de aprender mais sobre o mesmo e, sobre as suas várias manifestações. 
 
O livro é sobre...
...É basicamente sobre a relação de Philippe e Béatrice. 
Philippe conhece Béatrice em Itália. Esta apaixona-se por ele, mas ele usa-a para os seus propósitos hedonistas (daí "um amor para nada"). Com o passar do tempo, ele começa a reparar o quão bonita, simples e doce ela é...depois apaixona-se por ela; só que demasiadamente tarde (uma vez que ela se farta da superficialidade do jovem e do seu desprendimento afectivo...deixando-o, por fim, para se lançar em aventuras). A pouco e pouco, Philippe fica obcecado por Béatrice; o seu amor por ela queima-o por dentro, corrói toda a sua existência; o arrependimento acomoda-se na sua mente para nunca mais sair. 
 
O que achou mais interessante?
A maneira como o autor conseguiu transpôr para o papel, na perfeição; a manipulação, os jogos mentais, o flirt, o ciúme tácito, a paixão tórrida mas calma, o sentimento de culpa e, a forma como nos leva a sentirmo-nos culpados juntamente com Philippe e, a sentirmos raiva da Béatrice. 
 
Pontos fracos?
O fim é demasiadamente brusco. É como se o autor não conseguisse mais enfrentar a história, como se não aguentasse o triste fim deste casal...pronto, apressou o final da história (deixando-nos com aquela sensação de que falta algo). 
 
A quem o indica?
Indico-o a pessoas que gostem de estudar a fundo as relações afectivas; e que gostem de obras intensas ainda que destituídas de emoções, com um toque filosófico.   
 
De um a dez, qual nota você dá?
9,5 (por causa do brusco fim).

 

Comentários

  1. Olá! Passei aqui para avisar que te indiquei para um meme lá no Blaster. Se quizer saber mais, passa no meu blog, ok? Tchau!

    ResponderEliminar
  2. Oi Zahta!

    Um meme? Vou a caminho!! Obrigada e até já!

    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Oi Max,
    Gostei da resenha, entendo que ficar com vontade de ler o livro é seu prêmio, e fiquei! Até seu comentário sobre o final me deixou curioso, gosto de finais brusco, acredito que eles permitem ao leitor, tirar suas próprias conclusões.
    Bom carnaval!

    ResponderEliminar
  4. Max...

    li e gostei...as vezes penso como existe livros que desconhecemos ne..ou fica guardado em nosso porao em casa.....

    muito bom mesmo...

    bjo

    ResponderEliminar
  5. Gostaria de ler a biografia de Chateaubriand que ele escreveu. Ah! E também Au Plaisir de Dieu que assisti dois episódios na tv. A sua indicação é excelente! Beijus

    ResponderEliminar
  6. Interessante. Vou aproveitar a dica!!
    Não conhecia o livro, quando tiver tempo vou procurá-lo. Mais um que fica na lista!!! :o)

    ResponderEliminar
  7. Oi Dilermartins :D!

    E que prémio maravilhoso; obrigada!!

    O teu ponto de vista é bom!

    Muito obrigada pela visita! :D

    Bom Carnaval para ti também!

    Beijos

    ResponderEliminar
  8. Oi Philip!

    :D

    É verdade, às vezes há livros que ficam guardados no porão à espera de serem descobertos!!

    Ainda bem que gostaste!! :D

    Beijos e bom carnaval!

    ResponderEliminar
  9. Oi Luma :D!

    Aaah, também estou curiosa para ler esses livros! D'Ormesson é fantástico, e gosto do toque filosófico em tudo o que ele escreve (mesmo os seus artigos no Le Figaro)!

    Obrigada, querida!

    Beijos e bom Carnaval

    ResponderEliminar
  10. Gato Cid :D!!

    Que bom ver-te aqui, gatíssimo!!!

    Procura: vais adorar!! :D

    Sei como é: também tenho uma lista compridíssima de livros para comprar lol!

    Gato, obrigada por trazeres a tua luz aqui :D!

    Bom carnaval e beijooossss

    ResponderEliminar
  11. Olá!!

    €stou passando nos blogues amigos para convidá-los a participar da Blogagem Coletiva sobre “INCLUSÃO SOCIAL” que acontecerá no próximo dia 09/03/2009.

    Ficarei muito feliz de poder contar com sua participação!
    Se for participar, por gentileza, deixe um recado no blog Esterança.

    Desde já, muito grata!

    €ster

    ResponderEliminar
  12. Olá Esther :D!

    Bem-vinda ao Etnias!

    "€stou passando nos blogues amigos para convidá-los a participar da Blogagem Coletiva sobre “INCLUSÃO SOCIAL” que acontecerá no próximo dia 09/03/2009."

    Que interessante! Vou passar no teu blog para dar uma olhada!

    Obrigada pelo convite, linda :D!

    Beijos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço