M Maiúsculo

Fonte: Aqui
“O que é que ela anda a tramar agora?” perguntam-se vocês…
Não se preocupem, esta semana irei fazer uma pausa no que toca à controvérsia e escreverei acerca do meu tema favorito: mulheres.

Permitam-me que partilhe com vocês o meu profundo respeito e admiração por todas as Mulheres fortes do mundo.
Respeito o facto de elas terem orgulho em serem o símbolo da vida (seja porque a carregam no ventre ou porque ajudam a criá-la); o facto de elas serem as mães do mundo; a sua firmeza perante comportamentos violentos (perdoam mas não esquecem, pois não irão cair sempre no mesmo padrão); respeito profundamente o facto das Mulheres serem as que mais dirigem as suas orações a Deus, devido à sua imensa e inabalável fé (elas oram pelos seus filhos, maridos, família, vizinhos, comunidade e humanidade).
Admiro a sua força (já repararam que em tempo de guerra as Mulheres prosseguem com as suas funções diárias: limpam o canto onde descansam, dão banho aos filhos, lavam roupa, cozinham, trançam o cabelo etc [a vida continua independentemente dos eventos]); o seu pragmatismo (as Mulheres não têm tempo a perder com detalhes mesquinhos, uma vez que estão de olhos postos em objectivos concretos); a sua organização (reparem como as Mulheres fortes organizam uma casa em dois tempos); o facto de serem economistas brilhantes, ainda que não se tenham licenciado em economia (Mulheres fortes “esticam” a sua mesada; com dois pães fazem uma refeição para quatro) e finalmente admiro o poder que elas têm em conseguir o que querem (e não me estou a referir a caprichos...Mulheres fortes são sábias e pacientes o suficiente para esperar por aquilo que ambicionam).

O mundo já testemunhou o desempenho de Mulheres fortes na arena política (Margaret Thatcher, Golda Meir, Indira Ghandi, Condoleezza Rice etc), pode até não ter gostado, contudo não pode negar que as suas decisões políticas contribuíram para a mudança e, conduziram-nos à mesma.
Se eu tivesse que fazer campanha por uma Presidente da União Europeia eu pediria o seguinte slogan emprestado: “Sì, se puede! Sì, se puede! Sì, se puede!”

Generosidade é outra das fabulosas características que define as Mulheres, com M maiúsculo. Elas são generosas para com a humanidade, e esta qualidade é o factor que levou as Mulheres a destruirem as barreiras do preconceito.
Convido-vos, hoje, a prestar homenagem a todas as Mulheres fortes do mundo.

Eu tenho orgulho em ser Mulher, uma Mulher forte; por isso…Deus, na próxima vida eu gostaria que me enviasses de novo como Mulher.


Comentários

  1. Max
    Mulheres seres contraditórios, frágeis e fortes ao mesmo tempo, com uma percepção muito aguçada, envolvendo-se com tudo ao seu redor,uma empatia que as levam a perceber e até antecipar alguns fatos, com isso se tornando complexa, incógnita, incógnita esta que muitas vezes confundem alguns homens que não as entendem e desistem delas.
    Mulheres são capazes de chorar com filmes e ao mesmo tempo terem força e coragem para lutar pelas mais inusitadas coisas defendendo seus ideais familias e outras conquistas mas não podia ser diferente, pois um ser que recebeu a dádiva de Deus de gerar um filho em seu ventre com certeza vai muito mais além...
    Max amei o post
    beijos

    ResponderEliminar
  2. Adriana,

    Que comentário lindo! Até tenho medo de comentar o teu comentário, mas vou simplesmente indicar a passagem que mais me comoveu:

    "Mulheres são capazes de chorar com filmes e ao mesmo tempo terem força e coragem para lutar pelas mais inusitadas coisas defendendo seus ideais familias e outras conquistas mas não podia ser diferente, pois um ser que recebeu a dádiva de Deus de gerar um filho em seu ventre com certeza vai muito mais além..." - Bem, eu não choro ao ver filmes, mas concordo que há quem o faça e não seja mais fraca por isso :). Concerteza! As Mulheres vão muito mais além....não há dúvidas!

    Estou feliz por teres amado: obrigada *vénia*!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. ciao MaX!
    thx for comment.
    I have one Award for You in my blog,
    pace, amore ;0)

    ResponderEliminar
  4. Ciao Hanna!

    Non c'è di che, carina :)! An Award for me? Arrivo in un attimo :)...

    Grazie :). Pace e amore anche per te :D!

    Ciao

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O Etnias aprecia toda a sorte de comentários, já que aqui se defende a liberdade de expressão; contudo, reservamo-nos o direito de apagar Comentos de Trolls; comentários difamatórios e ofensivos (e.g. racistas e anti-Semitas) mais aqueles que contenham asneiras em excesso. Este blog não considera que a vulgaridade esteja protegida pelo direito à liberdade de expressão. Um abraço